Ampliar impostos para se manter no cargo é imoral e inadmissível

Nota da CUT sobre criação de nova alíquota de Imposto de renda [Escrito por: CUT Nacional] Com a desculpa de que precisava cobrir o rombo nos cofres, o governo Temer congelou os gastos públicos por 20 anos, inviabilizando serviços em áreas como saúde e educação. Na época, prometeu, em rede nacional, “colocar as contas do país em dia” e não aumentar tributos. Enganou os brasileiros. Está descumprindo a promessa. Nesta terça-feira, Temer anunciou a criação de uma nova alíquota de imposto de renda para pessoa física, que pode variar de 30% a 35% para salários acima de R$ 20 mil, além da tributação de lucros e dividendos, entre outras medidas, com [...]

Plano B para Reforma da Previdência pode afetar trabalhadores mais pobres

[Escrito por: Leonardo Sakamoto] O governo federal não precisa do apoio de 308 votos de deputados federais para aprovar a parte da Reforma da Previdência que causará o maior impacto entre os trabalhadores mais vulneráveis. Enquanto a imposição de uma idade mínima de 65 anos, para homens, e 62, para mulheres, depende de emenda ao artigo 201 da Constituição Federal, outras mudanças propostas podem ser desmembradas e passar como leis complementares ou ordinárias, apresentadas na forma de medidas provisórias pelo Palácio do Planalto. Caso o clima político continue instável (a Procuradoria-Geral da República ainda está analisando o encaminhamento de uma nova denúncia contra Michel Temer), e a garantia de apoio de [...]

Leonardo Boff: “Estamos indo ao encontro de alguma convulsão social”

Entrevista exclusiva a “Homem de vícios antigos” [Escrito por: Zema Ribeiro/Jornal o Imparcial] Quando Leonardo Boff (1938) devolveu o e-mail com as respostas à entrevista, assinou, ao final: “teólogo, filósofo, articulista semanal do Jornal do Brasil online e escritor”. Deixou de fora outros predicados, num gesto de desapego coerente com suas escolhas religiosas e políticas. Trata-se de uma das maiores autoridades cristãs brasileiras, ainda que um processo movido pelo então cardeal Joseph Ratzinger, que viria a ser o Papa emérito Bento XVI, tenha tirado alguns poderes do catarinense de Concórdia junto à Igreja Católica, o que o levaria a desligar-se do sacerdócio em definitivo. Um dos expoentes da Teologia da [...]

Resistência nas ruas é o caminho para barrar reforma

Reforma Trabalhista precariza condições de trabalhado e dificulta acesso à Justiça [Escrito por: CUT-SP] Em um cenário de golpe e ataques aos trabalhadores, uma das mesas realizadas na 15ª Plenária Estadual – Congresso Extraordinário e Exclusivo debateu sobre a Reforma Trabalhista, aprovada no Congresso Nacional e sancionada pelo presidente ilegítimo Michel Temer, no último dia 13/7. Ela entra em vigor em 120 dias. O Projeto de Lei 38 foi aprovado no Senado como chegou da Câmara dos Deputados. Ele altera nada menos do que 117 artigos dos 900 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). A mesa realizada na sexta (21), foi coordenada pelo secretário de Relações do Trabalho da CUT-SP, Ademilson [...]

Trabalhadores com carteira assinada podem ser prejudicados pela reforma de Temer

Contratos mantidos por 48 milhões de trabalhadores no país poderão ser alterados quando a reforma entrar em vigor. “Quem não aceitar, estará na rua e ponto final”, diz o presidente da CUT, Vagner Freitas [Escrito por: Rede Brasil Atual] Os 48 milhões de trabalhadores que têm carteira assinada no país, segundo os dados da RAIS, e portanto já estão no mercado de trabalho, poderão ser prejudicados pela reforma trabalhista, aprovada pelo Congresso e sancionada pelo presidente Michel Temer nesta quinta-feira (13). “Daqui a 120 dias quando o desmonte de Temer entrar em vigor, os contratos formais de trabalho poderão ser alterados. Para isso, bastará uma simples ‘conversa’ entre patrão e [...]

A CUT não aceita o desmonte dos nossos direitos

Pela revogação do PLC-38 da “Reforma Trabalhista” [Escrito por: CUT Nacional] A Central Única dos Trabalhadores não aceita e não reconhece qualquer legitimidade no fato de 50 senadores liquidarem direitos trabalhistas duramente conquistados, obedecendo as ordens de um governo golpista e ilegítimo e a serviço dos interesses de empresários. A CUT conclama as suas bases a seguir na luta pela Revogação do PLC 38 e utilizará todos os meios jurídicos, políticos e sociais para atingir esse objetivo. A sanção de Temer a essa lei que atropela inclusive direitos constitucionais não encerra a questão. É preciso derrotar esse ataque maior aos direitos trabalhistas e aos sindicatos através da luta de classe. A CUT considera [...]

Ufop realiza debate sobre reformas trabalhista e da Previdência

Sindmon-Metal é uma das entidades que participam da discussão A Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop), campus Monlevade, realiza na quarta-feira (12), às 17 horas, um debate sobre as reformas trabalhista e da Previdência, com palestra do juiz do trabalho Cléber Lúcio de Almeida, pós-doutor em direito pela Universidad Nacional de Córdoba (Argentina). Para debater o tema com o palestrante, foram convidadas entidades sindicais e estudantis. O Sindicato dos Metalúrgicos de João Monlevade (Sindmon-Metal) será representado pelo presidente, Otacílio das Neves Coelho, e pelo secretário de administração e finanças, José Quirino dos Santos. O evento, aberto a todos os interessados, acontece no auditório da Ufop, na rua 36, nº 115, [...]

CUT não negocia perda de direitos da classe trabalhadora

Presidente da Central reafirma que não há qualquer negociação em andamento com governo golpista [Escrito por: Vagner Freitas, presidente nacional da CUT] Nos últimos dias, vários órgãos de imprensa vêm publicando matérias sobre supostas negociações de “centrais sindicais” com o governo Temer para manter o imposto sindical em troca da aprovação da reforma Trabalhista, na realidade um desmonte dos direitos assegurados na CLT. O termo ‘centrais sindicais’, sempre assim, no plural, induz o leitor a erro. Existem nove centrais sindicais no Brasil, a maior e mais combativa, com mais de 25 milhões de trabalhadores na base é a CUT. E a CUT não está negociando nem nunca negociou retirada de [...]

“Reforma trabalhista representa retrocesso ao século XIX”

Opinião é compartilhada pela desembargadora do trabalho aposentada Magda Biavaschi, o economista José Dari Krein e o sociólogo Ricardo Antunes [Escrito por: Manuel Alves Filho / Jornal da Unicamp] O Brasil vive atualmente uma onda regressiva profunda. Nem mesmo no período da ditadura militar houve uma ofensiva tão dura contra os direitos dos trabalhadores como a que está em curso. Se aprovada da forma como foi proposta, a reforma trabalhista pretendida pelo governo Temer, que é inconstitucional, fará com que o país retroceda ao século XIX no que se refere à proteção social do trabalhador. A análise resume, em boa medida, as falas de três participantes do seminário “Greve Geral [...]